Vinhos e boa gastronomia no interior

21:22



Um lugar encantador para passar um dia incrível com boa gastronomia e ótimos vinhos!

Essa foi minha impressão sobre a Vinícola Villa Santa Maria, localizada em São Bento do Sapucaí do ladinho de Campos do Jordão e com vista incrível para a Pedra do Baú.

O lugar foi pensado para receber família, casais e amigos para compartilhar bons momentos!



Saímos em uma presstrip de São Paulo logo cedo e chegando lá fomos recepcionados com um delicioso café da manhã! Mesa incrível!



Em seguida subimos para conhecer as parreiras e a vista para a Pedra do Baú!


Na Villa Santa Maria tem uma pequena cachoeira, que transmite uma paz gostosa, dá vontade de ficar por ali muito tempo! Eles pretendem colocar redes entre as árvores, já imaginou?



Também está previsto um Glamping, que seriam  "tendas de luxo" onde os visitantes poderão se hospedar e passar a noite. Já fiquei imaginado uma noite ali, com todo o glamour do lugar, a iluminação, o silêncio.....ai ai!


Mas voltando ao nosso dia incrível, fizemos degustação dos vinhos Brandina e logo após um almoço harmonizado com os vinhos, que por sinal são muito bons!




A Villa Santa Maria foi idealizada e construida pelo casal Célia e Marco Carbonari (que tive a oportunidade de conhecer e são muito simpáticos e atenciosos) em um terreno de 90 hectares e desde julho, recebem seus visitantes.

Tudo começou como um sítio em um hectare para a família, em 2001, de nome Santa Maria. Amantes de vinhos e enxergando na região a possibilidade de se ter um vinhedo, os Carbonari investiram na compra de mais terra e convidou três anos depois o professor, pesquisador e viticultor Murilo Albuquerque Regina para seu manejo. 

Em 2004, iniciaram sua própria vinha com a técnica da Colheita de Inverno, com quatro mil mudas importadas da França, para vinificação no Núcleo Tecnológico da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) – do qual Murilo é coordenador -, em parceria com a enóloga Isabela Peregrino. 

Após anos de tentativas e pesquisas, em 2009, os Carbonari chegaram ao seu primeiro vinho e deram a ele o nome de Brandina, em homenagem à avó de Marco. Dois anos depois, veio o primeiro varietal, um Syrah, que ganhou medalha de prata em uma competição em Bruxelas e, ano a ano, nasceram os demais rótulos da marca com os novos hectares que o sítio foi ganhando.

Atualmente, seu terroir de 25 hectares abriga 30 mil pés de variados tipos de uva e, até o fim de 2018, programa expandir para 70 mil pés, trabalhados em diversos assemblages por Isabela Peregrino. Em 2020, o projeto do Villa Santa Maria inclui a vinificação no local.


Para maiores informaçãos acesse o site  da Vinícola Villa Santa Maria.

You Might Also Like

0 comentários

Deixe sua opinião

Coments sistems

[blogger][disqus][facebook]

Facebook:

Instagram

Page views